A história do Gilbertão


A história do Gilbertão
O “Gilbertão”, como é conhecido o estádio de futebol da cidade de Manacapuru (68 km da capital), tem as cores vermelho e branco, foi inaugurado no dia 09 de novembro de 1986, com a presença do governador Gilberto Mestrinho, e os prefeitos Amazonino Mendes (Manaus) e Paulo Freire (Manacapuru). Sua capacidade é de 15 mil pessoas. O nome do estádio é uma homenagem ao ex-governador Gilberto Mestrinho. A obra custou na época 35 milhões de Cruzados. Exercem o mando e campo neste estádio as duas equipes de futebol profissional de Manacapuru: Princesa do Solimões Esporte Clube e Operário Esporte Clube.

O jogo de inauguração aconteceu entre as equipes do Nacional e a Seleção de Manacapuru.

1986 – NACIONAL 1 x 1 SELEÇÃO DE MANACAPURU
LOCAL: Estádio Olímpico Municipal Gilberto Mestrinho, em 9 de novembro de 1986.

ÁRBITRO: Raimundo Nonato (AM), auxiliado por Olário Azevedo e Augusto Carneiro.

NACIONALRonaldo (Edson Cimento), China (Marinho), Murica (Marduck), Galvão, Clóvis, Sergio Duarte (Tojal), Helinho, Gilson, Bendelack (Camarão), Luizinho (Raulino) e Jasson (Ricardo)Técnico Aderbal Lana.

SELEÇÃO DE MANACAPURUGinha, Betinho, Piranha, Marquinho (Almir), Paulo, Rildo, Evandro, Wellington, Gato, Carlinhos (Toca) e PaçocaTécnico Francisco Bezerra.
GOLS: Helinho aos 39 minutos da etapa incial e Rildo de pênalti no segundo tempo.

Fonte: bauvelho.com.br

Comentários